O que é o suicídio?

É um ato condenável, que demonstra que o suicida está em mau estado psíquico e, assim, completamente avassalado pelo astral inferior. Engana-se ao supor que com esse gesto de fraqueza espiritual liberta-se dos sofrimentos morais e materiais que o atormentam, pois só os aumenta. O suicida somente pode destruir o corpo físico, nunca o espírito, no qual se vai concentrar toda a dor, todo o sofrimento causado por esse gesto irrefletido.

O sofrimento do suicida é de tal forma martirizante que, mesmo após praticado o ato, vendo seu corpo aniquilado, procura alívio, desesperado, e não encontra, tal o seu estado de perturbação. Nesse estado permanece até que possam as Forças Superiores aproximar-se dele e encaminhá-lo ao seu mundo de luz, no qual toma consciência do inominável crime espiritual que cometeu e que terá de resgatar, com indescritível sofrimento, nas próximas encarnações.

(Texto extraído do livreto O que é o Racionalismo Cristão disponível na Biblioteca neste site.)

 

De "O que é o suicídio" para a página desta seção

Copyright©2005 racionalismo-cristao.org.br. All Rights Reserved