Não nos entendemos mutuamente

Tenho 36 anos, nacionalidade c..., com a formação técnica em Contabilidade. Desempenho as funções de responsável pela contabilidade da empresa E...e me dirijo a V. Ex.ª no sentido de expor alguns problemas que venho enfrentando a nível familiar desde 1994.

Vivo com o pai dos meus filhos, uma menina de nove anos e um rapaz que completa dois anos no próximo dia .... Analisando o tempo em que nos conhecemos até a nossa convivência atual, tenho constatado momentos mais desagradáveis do que momentos bons; resumindo, não nos entendemos mutuamente. Não sei se isso advém do nível de formação que não coincide porque ele há muitos anos trabalha numa casa comercial a atender o público e tem uma mercearia própria da qual é gerente e tem pessoas sob a sua responsabilidade. E porque também dedica mais tempo ao trabalho e aos amigos do que à própria família. Enfim, fica uma incógnita. Outro aspecto que interfere no nosso relacionamento é a sua atitude em relação a mulheres, fora que eu sou insultada através do telefone ouvindo coisas desagradáveis de pessoas que, se calhar, ele se compromete a estar com elas. Transmitindo essa informação, ele sempre rejeita dizendo que se trata de pessoas que lhe querem mal.

Passando aos meus filhos, neste momento a minha filha depara com um problema de saúde visual, em junho do ano passado foi à consulta de vista por queixar de dores de cabeça horríveis e detectaram uma miopia grave no olho direito cuja medida é -10 por -0.50 (olho esquerdo), para além de estigmatismo e estrabismo. Estou a seguir tratamento em P... porque aqui em C... disseram-me que o tratamento só se podia fazer se ela tivesse 4 anos e como já tem 9 é mais difícil. O meu filho menor desde que nasceu tem problemas na alimentação, não come as quantidades e variedades recomendadas à sua idade e durante a noite não dorme bem, está sempre excitado e a chorar. Tento na medida do possível tentar que nos entendamos e resolvamos estes problemas, mas, com o pai deles não há diálogo: ele dá mais atenção ao seu negócio, às suas amizades, e à família, só em terceiro plano.

Eu trabalho muito na E... e em casa para poder cumprir com a minha responsabilidade de mãe e para tentar ter uma vida digna, mas não tenho conseguido companheirismo. Será que o meu comportamento está errado? Gostaria de ter uma apreciação vossa.

Continuo essa conversa numa próxima oportunidade. Termino aguardando a vossa prezada resposta.



Quando não há esclarecimentos espirituais, fica fácil a ação dos espíritos do astral inferior. Estes são atraídos por pensamentos de desânimo, tristeza, dúvidas, desconfianças, pensamentos negativos enfim. Para haver harmonia, saúde e prosperidade no lar, é necessário que ambos os cônjuges saibam valorizar o próprio lar e esta valorização resulta do grau de evolução e do nível de esclarecimento espiritual de cada um. Se apenas um é esclarecido, com algum sacrifício muito pode ser feito por ele em benefício de todos.

Procure manter o seu lar sempre organizado e limpo. Nunca se queixe, mesmo que haja razões para isso. Dê exemplos de dedicação ao lar e ao trabalho para os seus filhos. Não discuta com seu marido, procure sempre tratá-lo bem mesmo que ele não faça o mesmo com você. Mostre ser uma pessoa digna, de sentimentos, ações e pensamentos elevados, e ele notará e valorizará você, mais cedo ou mais tarde. Mas é importante cuidar com todo carinho dos seus filhos para que eles vejam na mãe aquela pessoa que admiram e em quem confiam.

Não fale nunca de outras mulheres com seu marido ou com suas amigas e amigos. Se elas existirem, são umas infelizes que estão a cavar sua própria ruína moral. Não pense nelas para não se religar em pensamentos a elas e assim atrair a sua má assistência espiritual.

Para ajudar na manutenção de uma boa saúde para os seus filhos, faça a Limpeza Psíquica diariamente no lar, prepare água fluidificada, beba-a e dê de beber aos seus. Procure a orientação de bons médicos. Faça exames para ver se seu filho não tem vermes. As perturbações durante o sono podem ser causadas por vermes ou por má assistência astral. Aqueles são eliminados com medicamentos apropriados, esta é evitada com a Limpeza Psíquica antes de dormir.

Em S... há várias Casas racionalistas cristãs. Se você tiver oportunidade, vá assistir às sessões públicas de Limpeza Psíquica. Seria ótimo se seu marido concordasse em acompanhá-la. Se você não sabe os endereços, escreva-nos.

Estude a Doutrina racionalista cristã para enriquecer seus conhecimentos da vida espiritual, da vida fora da matéria. Esclareça-se sobre quem você é, o que está fazendo neste planeta e para onde deve seguir após a desencarnação. Leia nossas obras, muitas delas disponíveis gratuitamente nos sites do Racionalismo Cristão. 

De "Não nos entendemos" para a página "Família"

De "Não nos entendemos" para a página "Perguntas-Respostas"

Copyright©2005 racionalismo-cristao.org.br. All Rights Reserved