O que acontece aos animais quando morrem?

O que acontece aos animais de estimação, por exemplo um cão que vive comigo, quando este "morre"? Acontece o mesmo que com as pessoas? Dá-se a desencarnação e ascendem a outros mundos? Tornam a reencarnar?


O Racionalismo Cristão explica que o Universo é constituído por Força e Matéria. Sabemos que a Matéria não possui atributos e é um elemento passivo e plasmável enquanto a Força é o agente ativo, inteligente e transformador. Isso significa que é a Força que dá vida e movimenta os corpos de todos os seres vivos, sejam eles seres humanos ou animais e até mesmo plantas.

A trajetória evolutiva da partícula de Força começa no átomo, no reino mineral, avançando pelo reino vegetal, passando para o animal até chegar o momento em que pode tomar posse de um corpo humano. Nesse momento essa Força passa a denominar-se espírito.

Baseado no que dissemos, podemos concluir que os animais têm uma partícula de Força que os anima e que essa Força - quando abandona o animal e este "morre" -, sobrevive, exatamente da mesma maneira que o espírito humano sobrevive à morte física. Os detalhes do que acontece a essa partícula de Força que se separa do corpo do animal não são analisados pelo Racionalismo Cristão, porque a nossa filosofia se preocupa mais com a evolução da humanidade, mas é de supor que a Força ascende ao plano próprio que esteja de acordo com a evolução dessa Força e daí volta a reencarnar, tomando posse do corpo de um animal semelhante ou não, mas que esteja ao mesmo nível de evolução.

Em todo o caso, podemos concluir, sem margem para dúvidas, que quando um animal morre a sua partícula de Força sobrevive e mais tarde volta a tomar posse de um corpo de outro animal, para continuar a sua trajetória evolutiva.

De "Animais quando morrem" para a página desta seção

Copyright©2005 racionalismo-cristao.org.br. All Rights Reserved